PDVLEARNING: UMA POSSIBILIDADE DE EXTENSÃO INTERNACIONAL E INTEGRAÇÃO DE SABERES

Lenilton Souza Ferreira de Lima, Alexandre Antônio de Lima, Thales Henrique Castro de Barros, Kilma da Silva Lima Viana, Inês Girlene dos Santos Monteiro, Ramon Jorge Wanderley Valença

Resumo


Este artigo apresenta os resultados do projeto ligado ao Programa de Bolsas de Extensão – PIBEX do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco (IFPE) - Campus Recife com o objetivo de apresentar uma plataforma virtual de aprendizagem denominada de “PDVLearning” como uma possibilidade de extensão internacional e integração de saberes. O PDVLearning é uma plataforma MOODLE (Modular Object Oriented Distance Learning), que consiste de um software livre de gerenciamento para criação de curso online, com um espaço destinado ao desenvolvimento de atividades, utilizando-se diferentes tipos de ferramentas tecnológicas baseada em código aberto. Foi criada em cooperação com outras instituições, seguindo os princípios da maximização dos recursos disponíveis, da democratização do ensino gratuito, da cooperação entre as instituições/colaboradores individuais. Atualmente esta plataforma é gerenciada pelo Instituto Internacional Despertando Vocações formado através de uma Rede de Cooperação (RC) Internacional formada por instituições acadêmicas de países da América do Sul, Central e da Europa. Assim, no ano 2018 foi fomentado a V edição dos cursos internacionais de extensão, no último trimestre do ano sendo ofertado 08 cursos nas áreas de licenciatura, gestão e tecnologia. Ao total foram registradas 263 com a participação de estudantes do Brasil, Argentina e Chile. Deste quantitativo 24,11% concluíram o curso e receberam certificação. Fica evidenciado que o PDVLearning é um ambiente de ensino-aprendizagem útil e capaz de contribuir com a integração de saberes no meio acadêmico através da oferta de cursos de extensão online (não corporativos) de forma gratuita com as instituições pertencentes a RC.


Texto completo:

PDF

Referências


ABBAD, G. DA S.; ZERBINI, T.; SOUZA, D. B. L. DE. Panorama das pesquisas em educação a distância no Brasil. Estudos de Psicologia (Natal), v. 15, n. 3, p. 291–298, 2011.

BARATELLA, R. Um foco histórico da EaD. Revista Encontro de Pesquisa em Educação, v. 1, n. 1, p. 108–122, 2013.

BOLING, E. C. Cutting the distance in distance education: perspectives on what promote positive, online learning experience. Internet and Higher Education, v. 15, n. 2, p. 118–116, 2012.

CESTEROS, A. F. P. Las plataformas e-learning para la enseñanza y el aprendizaje universitario en Internet. Revista Virtual Pro, v. 118, p. 45–73, 2011.

COELHO, W. G.; TEDESCO, P. C. D. A. R. A percepção do outro no ambiente virtual de aprendizagem: presença social e suas implicações para Educação a Distância. Revista Brasileira de Educação, v. 22, n. 70, p. 609–624, 2017.

COSTA, C.; ALVELOS, H.; TEIXEIRA, L. The Use of Moodle e-learning Platform: A Study in a Portuguese University. Procedia Technology, v. 5, p. 334–343, 1 jan. 2012.

CUNHA, S. L. S. Reflexões sobre o EAD no Ensino de Física. Revista Brasileira de Ensino de Física, v. 28, n. 2, p. 151–153, 2006.

JIN, S. Design of an online learning platform with Moodle. 7th International Conference on Computer Science and Education, 2012.

LIMA, R. DA S. et al. Tecnologias da informação e comunicação como instrumento de cooperação internacional: a experiência do pdvlearning e a evasão em cursos livres não corporativos. I Simposio Latinoamericano en Formación de Profesores: Tecnología y Educación, v. 1, n. 1, p. 158–160, 2016.

LOPES, P. M. A.; MELO, M. DE F. A. DE Q. E. O uso das tecnologias digitais em educação: seguindo um fenômeno em construção. Psicologia da Educação, v. 38, n. 1o Semestre de 2014, p. 49–61, 2014.

LUSENI, F.; MARQUES, M. Classificação da pesquisa científica. 1. ed. Natal: UFRN - Universidade Federal do Rio Grande do Norte., 2015.

MALMEGRIN, M. Gestão de redes de cooperação na esfera pública. Florianópolis: CAPES; UAB, 2011.

MARCHISOTTI, G. G. et al. Preconceito dos Brasileiros Contra a Educação a Distância. Convibra, v. 3, n. 1, p. 18, 2016.

MOORE, M. G.; KEARSLEY, G. Educação a Distância: uma visão integrada. São Paulo: Cengage Learning, 2008.

MORAN, J. M; MASETTO, M. T.; BEHRENS, M. A. Novas tecnologias e mediação pedagógica. Papirus, v. 1, p. 11, 2003.

NETO, F. R. DA S. et al. Percepção da internacionalização pelos extensionistas do programa internacional despertando vocações para licenciaturas ifpe campus Vitória de Santo Antão. III Congresso Internacional das Licenciaturas - COINTER, v. 1, n. 1, p. 62–70, 2016.

NETO, J. DA S. C.; VALADÃO, J. DE A. D. Evolução da educação superior a distância no brasil: uma análise a partir de processos de institucionalização. GUAL, v. 110, n. 3, p. 97–120, 2017.

PARNAIBA, C. DOS S.; GOBBI, M. C. Os Jovens e as Tecnologias da Informação e da Comunicação: aprendizado na prática. Revista Anagrama: Revista Científica Interdisciplinar da Graduação, v. 3, n. 4, 2010.

PDVL. Programa Internacional Despertando Vocações. Disponível em: . Acesso em: 5 maio. 2018.

SANTOS, A. R. B. DOS. Educação a distância e tecnologias digitais. Educação, Tecnologia e Cultura - E.T.C., v. 13, p. 13, 2016.

SILVA, E. V. ET AL. Programa Despertando Vocações para as Licenciaturas: uma experiência de Extensão Internacional em E- Learning. In: Seminario Internacional ’Perú y Brasil: Estrategias para la Enseñanza en la Educación Virtual, v. 1, n. 1, p. 25, 2014.

SILVA, I. P. et al. Redes de cooperação : uma experiência com e-learning na área de tecnologia e gestão no IFPE Campus Recife. Revista Caravana - Diálogos entre Extensão e Sociedade, v. 3, n. 2, p. 105–117, 2018.

SOUSA, R. P. DE; MOITA, F. M. C. DA S. C.; CARVALHO, A. B. G. Tecnologias Digitais na Educação. 1. ed. Campina Grande: EDUEPB, 2011.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Revista Caravana

IFPE - Instituto Federal de Pernambuco