IMPLANTAÇÃO DE HORTAS NAS ESCOLAS COMO FERRAMENTA DE EDUCAÇÃO ALIMENTAR E AMBIENTAL

Cleybson José Cruz da Silva, Lluan dos Santos Costa Ataide, Renato Lemos dos Santos

Resumo


 

Resumo 

   O consumo de alimentos industrializados em excesso, traz sérios ricos a saúde, Devido elevada concentração em açúcares, conservantes e gorduras. Este trabalho teve como objetivo construir, de forma participativa, em alunos de ensino fundamental e de ensino médio de escolas de Pernambuco, conceitos de uma alimentação saudável e preservação do ambiente mais precisamente das plantas, desenvolvendo senso crítico e seletivo, estimulando a produção orgânica dos alimentos por meio de hortas, assim despertando o interesse na área de ciências agrárias. Foram atendidas doze escolas em seis municípios circunvizinhos à Vitória de Santo Antão, realizando-se palestras e implantação de hortas, no intuito de estimular produção orgânica de alimentos. Além de realizar um levantamento da alimentação desses estudantes através de questionários, também foi aplicado duas vezes outro questionário (antes e depois da oficina) e a relação de oficina formativa promoveu incremento no acerto das respostas sobre o questionário de educação alimentar e ambiental.

 

 


Texto completo:

PDF

Referências


AZEVEDO, E.C.C.; DIAS, F. M. R.S.; DINIZ, A. S.; CABRAL, P. C. Consumo alimentar de risco e proteção para as doenças crônicas não transmissíveis e sua associação com a gordura corporal: um estudo com funcionários da área de saúde de uma universidade pública de Recife (PE). Ciência & Saúde Coletivavol. Recife, v. 19, n. 5, p. 1613-1622, 2014.

GOUVÊA, E.L.C. Nutrição, saúde e comunidade. Rio de Janeiro, Revinter, 1999.

TURANO, W. A Didática na Educação Nutricional. In: GOUVEIA, E. Nutrição Saúde e Comunidade. São Paulo: Revinter, 1990. 246 p.

AQUINO, R. C; PHILIPPI, S. T. Consumo infantil de alimentos industrializados e renda familiar na cidade de São Paulo. Rev. Saúde Pública, São Paulo, v.36, n.6, Dec. 2002.

LACERDA, J. R. M.; LACERDA, M. R. M.; SOUZA, M. M. A. Percepção do agricultor sobre a utilização do agrotóxico em São Miguel, Mauriti-CE. Cadernos de cultura e ciência, v. 1, n. 1, p. 2-10, nov. 2006.

KOPRUSZYNSKI, C.P.; MARIN, F.A. Alimentação humana, passado, presente e futuro. 2012. 8 f. Dissertação (Doutorando) - Curso de Nutrição, Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Unesp, Araraquara - SP, 2012. Disponível em: . Acesso em: 23 dez. 2018.

MAGRI, G.G.; SALGADO, G.C.; OLIVEIRA, J.L.E.A.; FIGUEIREDO, R.A. EDUCAÇÃO AMBIENTAL E ALIMENTAR: DIAGNÓSTICO E CARACTERIZAÇÃO ALIMENTAR DAS CRIANÇAS DA ESCOLA RURAL E.M.E.I.E.F. IVAN INACIO DE OLIVEIRA ZURITA. Disponível em: < https://www.uniara.com.br/legado/nupedor/nupedor_2010/00%20textos/sessao_1/01-03.pdf>. Acesso em: 23 dez. 2018.

GARCIA, R. W. D. Práticas e comportamento alimentar no meio urbano: um estudo no centro da cidade de São Paulo. Cad. Saúde Pública. 1997, vol.13, n.3, pp.455-467.

BATISTA, L. L. P. et al. UM ALERTA SOBRE O USO INDISCRIMINADO DE AGROTÓXICOS NOS ALIMENTOS. In: Anais da Mostra de Pesquisa em Ciência e Tecnologia 2017. Anais...Fortaleza (CE) DeVry Brasil Damásio - Ibmec, 2017. Disponível em: . Acesso em: 23 dez. 2018.

BAMPI, A.; SCUR, L.; SCOPEL, J. M. Sensibilização Ambiental Sobre a Importância das Plantas no Jardim Botânico de Caxias do Sul. SCIENTIA CUM INDUSTRIA (SCI. CUM IND.), V. 2, N. 5, PP. 77 — 81, 2014.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2021 Revista Caravana

IFPE - Instituto Federal de Pernambuco