Capacitação em produção e gestão da confeitaria e pastelaria como forma de geração de renda

Eron Ferreira Campos da Silva

Resumo


A alimentação fora do lar já faz parte da vivência diária do trabalhador brasileiro e ocorre de forma bastante diversificada, transcendendo as barreiras dos restaurantes e demais locais tradicionais de produção de alimentos,  alcançando os horizontes da informalidade. Torna-se cada vez mais comum alimentar-se em pontos itinerantes como food trucks, praças, centros comerciais e veículos coletivos, uma vez que o mercado informal tende a apresentar forte expansão em períodos de crise financeira no país; fato que apresenta expressivo crescimento desde meados de 2015, demonstrando a capacidade empreendedora como fonte principal de renda, que os brasileiros apresentam frente as adversidades econômicas. O principal desafio da alimentação fora do lar concentra-se na segurança alimentar, uma vez que o manipulador é o principal vetor de contaminação e disseminação das doenças transmitidas pelos alimentos. O projeto buscou, através do empreendedorismo na gastronomia, uma forma de empoderamento, geração de renda e fortalecimento do comércio local para as comunidades atendidas, a partir da apresentação de técnicas da confeitaria e panificação com segurança alimentar.


Texto completo:

PDF

Referências


Banco de Alimentos e Colheita Urbana: Aproveitamento Integral dos Alimentos. Rio de Janeiro: SESC/DN, 2003. 45 pág. (Mesa Brasil SESC Segurança Alimentar e Nutricional). Programa Alimentos Seguros. Convênio CNC/CNI/SEBRAE/ANVISA.

BRAGA, R.M.M. Gestão da Gastronomia: Custos, formação de preços, gerenciamento e planejamento do lucro. São Paulo: SENAC, 2008.

CASCUDO, L. C. História da Alimentação no Brasil. São Paulo: Global, 2004.

FONSECA. M. T. Tecnologias gerenciais de restaurantes. São Paulo: SENAC, 2006.

GONÇALVES, P. E. Livro dos alimentos. São Paulo: Summus, 2001.

LEAL, M. L. M. S. A História da Gastronomia. Rio de Janeiro: SENAC, 1998.

SGARBIERI, V. C. Alimentação e Nutrição: fator de saúde e desenvolvimento. São Paulo. Campinas: Editora da UNICAMP, 1987.

SIZER, F., WHITNEY, E. Nutrição: Conceitos e Controvérsias. São Paulo: Manole, 2003.

SPANG, R. L. A invenção do restaurante. Rio de Janeiro: Record, 2003.

PAMPLONA, J. B. Mercado de trabalho, Informalidade e Comércio Ambulante em São Paulo, R. bras. Est. Pop., Rio de Janeiro, v. 30, n. 1, p. 225-249, jan./jun. 2013.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Revista Caravana

IFPE - Instituto Federal de Pernambuco